Depois do editorial de ontem, fiquei com bailarinas na cabeça. Muitos vestidos de noiva parecem feitos para o balé com saias de tule esvoaçante leves como um tutu :).
Quando pensamos em saias de bailarina, pensamos em volume, que pode ser perigoso dependendo do modelo. Noivas mais cheinhas ou muito baixinhas devem evitar usar saias muito volumosas, elas podem “engolir” a noiva ou fazer com que ela pareça mais cheinha. O mundo do ballet ainda me faz pensar em vestidos leves, com detalhes como penas, coques perfeitos e sapatilhas ( que são super confortáveis e uma ótima pedida para noivas que são muito altas ou não queiram ficar mais altas que o noivo).
Vamos às coisas lindas?

Coque perfeito.

Esse vestido lindo da Temperley London me parece tão leve, me lembra uma bailarina, embora não seja exatamente o modelo que vem a nossa cabeça quando pensamos em balllet.

Esse é mais “tradicional”. Só com um toque de cor.

Monique Lhuilier lindo ( e com uma proposta diferente no uso das cores e rendas) com a saia de tule super esvoaçante.

Pra mim voilette combina com bailarinas.

Curtinho. De bailarina vintage.

Esses são da Martu.

Joan Blum, que eu amo, mas infelizmente tem preços impraticáveis.

Beijos!
Imagens via Web e site Constance Zahn.